Dica da Coruja


CONFIRA DICAS PRÁTICAS

sobre reforma e decoração para fazer em sua casa!

FECHAR

Decoração para cozinhas: saiba como tornar este cômodo um dos melhores da casa



VOCÊ VAI PRECISAR DE:

Decorar a casa pode ser um momento bastante divertido. Além da oportunidade de expressar seus gostos através do seu lar, pode servir como lazer ou até relaxamento. Entre os principais cômodos, a cozinha é um dos mais amados. Isso porque é um dos lugares onde os moradores passam a maior parte do tempo, seja cozinhando, recebendo visitas ou mesmo em um momento de reunião com toda a família.

Para te auxiliar com isso, a Eternit criou essa matéria com dicas de decoração para esse ambiente da casa. Mas antes, confira abaixo alguns passos essenciais:

Entenda o seu tipo de cozinha
Para algumas pessoas, a cozinha é o cômodo preferido da casa. Portanto, é muito importante entender quais os seus principais gostos e como esse espaço tem que ser para que você se sinta muito bem nele. Pense nas suas cores, formas e objetos favoritos e deixe-a com a sua cara!

Pesquise sobre os materiais
É necessário um cuidado especial com o tipo de material escolhido para os objetos deste cômodo, já que, se comparado ao quarto, por exemplo, a cozinha possui algumas restrições. Opte por aqueles que possam ser molhados, que não absorvam tanto o calor e evite os inflamáveis.

Invista em iluminação
Assim como em qualquer outro espaço da casa, a cozinha merece uma iluminação de qualidade. Afinal, é esse o detalhe que fará toda a diferença no ambiente, seja ele grande ou pequeno (uma iluminação clara, por exemplo, tende a fazer com que os espaços pareçam maiores que realmente são).

Também é através da iluminação que você vai determinar se a sua cozinha será mais intimista e aconchegante, ou moderna e tradicional.

Agora que você já realizou esses primeiros passos, veja, abaixo, as dicas de decoração que preparamos:

– Não tenha medo de ousar
Esqueça qualquer regra já ouvida sobre esse cômodo! A cozinha é o ambiente ideal para ousar em uma casa, afinal, ela promove uma atmosfera de descontração, diversão e união. É muito comum famílias se reunirem nesse espaço em algum momento do dia ou da semana.

A dica é usar tons fortes nas paredes e formas modernas, fugindo totalmente do tradicional. Se preferir, misture paletas de cores. Uma tendência que vem fazendo parte desse cômodo já há um tempo são as geladeiras coloridas, deixando para trás o modelo tradicional branco.

– Praticidade
Algumas pessoas mal usam a cozinha e esta acaba servindo, literalmente, como uma decoração para a casa. Porém, outras mal saem do ambiente, já que costumam cozinhar bastante, além de receber muitas visitas.

Se este é o seu caso, lembre-se de investir em utensílios práticos, que, no dia a dia, vão te auxiliar e tornar a sua rotina mais leve e divertida.

– Panelas e utensílios como decoração
Essa é fácil! Se a sua cozinha é pequena e você não sabe como driblar isso, use seus utensílios ao seu favor: coloque panelas e outros objetos como decoração, resolvendo, assim, dois problemas de uma só vez!

– Invista nos metais
Os metais deixam qualquer ambiente mais sofisticado e moderno. Sua estrutura e proposta encaixam-se perfeitamente em cozinhas para quem quer ousar na decoração. Conheça os modelos da Eternit.

Dica de ouro: a Pantone divulgou este mês a cor para o ano de 2019. Intitulada Living Coral, o tom é um coral com undertone dourado, que energiza e vivifica de maneira suave.

“A cor é uma lente que equilibra as realidades naturais e digitais da experiência humana, sendo o Living Coral um verdadeiro equalizador. Consumidores anseiam por conexões mais humanas e por conectividade social (…).” – Leatrice Eiseman, Diretora Executiva do Pantone Color Institute.

Que tal aproveitar a aproximação do novo ano e já investir nela para ficar por dentro das tendências?

Fonte: Blog Vida de Casada, Casa Vogue, Pantone






Avalie esse artigo:
Muito RuimRuimMédioBomMuito Bom (Ainda sem avaliações)



A Eternit não se responsabiliza por nenhum dano causado pelo uso incorreto dos produtos ou pela má interpretação dos textos, assim como não se responsabiliza pelo resultado final.

« VOLTAR