Receita líquida consolidada cresce 15% no 1T14 » Eternit » A Marca da Coruja

Receita líquida consolidada cresce 15% no 1T14


Receita líquida consolidada cresce 15% e EBITDA atinge R$ 42 milhões no 1T14

A Eternit S.A, com 74 anos de atividade, líder de mercado no segmento de coberturas, com atuação nos segmentos de louças, metais sanitários e soluções construtivas, anunciou em 08/05/2014 os resultados do 1º trimestre de 2014.

O setor de materiais de construção encerrou o 1T14 bem abaixo da previsão de crescimento para o período segundo a ABRAMAT. A Eternit encerrou o período com desempenho superior ao do seu setor, operando em plena capacidade na mineração e, aproximadamente, 80% no fibrocimento e 60% nas telhas de concreto.

O volume vendido do mineral crisotila no 1T14 foi de 74,9 mil toneladas, aumento de 24,4% na comparação com o 1T13, em função do aumento de demanda por coberturas de fibrocimento no mercado interno e regularidade no fluxo das exportações nos últimos trimestres. No mesmo período, o volume vendido de fibrocimento, incluindo soluções construtivas, foi de 213,0 mil toneladas no 1T14, 6,2% superior em relação ao 1T13, enquanto as telhas de concreto cresceram 5,4% em função de maiores demandas neste mercado e da estratégia da Tégula em disponibilizar seus produtos também nas lojas de materiais de construção.

A receita líquida consolidada, no 1T14, somou R$ 243,7 milhões, 15,3% superior quando comparado com o 1T13, decorrente de uma política comercial adequada e aumento dos volumes vendidos de seu portfólio.

O EBITDA no 1T14 atingiu R$ 42,4 milhões, 9,1% maior que o registrado no 1T13, em função, principalmente, dos maiores volumes de vendas do mineral crisotila, telhas de fibrocimento e de concreto, política comercial adequada e por uma variação cambial maior, que neutralizou, parcialmente, o aumento do custo dos produtos vendidos, maior que o da receita líquida consolidada e a elevação das despesas operacionais. Como consequência, o lucro líquido apresentou aumento de 9,4% quando comparado ao 1T13, atingindo R$ 23,5 milhões no 1T14.

Os investimentos, em linha com o Plano de Expansão e Diversificação, somaram R$ 29,2 milhões no 1T14, 64,3% maior que o 1T13. A sua destinação, em sua maior parte, foram à instalação da unidade de pesquisa, desenvolvimento e produção de insumos para materiais de construção no Estado do Amazonas e à manutenção e atualização do parque industrial do Grupo.

A Eternit continua sendo uma das empresas com maior índice de retorno aos seus acionistas, entre as companhias de capital aberto no Brasil. Em 2014, o dividend yield foi de 4,6% e os proventos pagos foram de R$ 35,8 milhões.

Sobre a Eternit

A Eternit, fundada em 1940, é a maior e mais diversificada indústria de coberturas do país, um dos maiores mercados de construção civil do mundo, com uma demanda anual superior a 600 milhões de metros quadrados. O setor de fibrocimento representa aproximadamente 50% deste mercado, no qual a Eternit é líder com uma participação de aproximadamente 31%.

O Grupo Eternit é composto por 11 fábricas e 1 mineradora, sendo 4 fábricas da Eternit localizadas estrategicamente nas cidades de Colombo (PR), Goiânia (GO), Rio de Janeiro (RJ) e Simões Filho (BA), 1 fábrica da controlada Precon Goiás na cidade de Anápolis (GO), 6 fábricas da controlada Tégula Soluções para Telhados, localizadas nas cidades de Atibaia (SP), São José do Rio Preto (SP), Içara (SC), Frederico Westphalen (RS), Anápolis (GO) e Camaçari (BA); e a SAMA Minerações Associadas, sediada na cidade de Minaçu (GO), terceira maior mineradora de crisotila do mundo.

Atualmente, o Grupo conta com cerca de 2.500 colaboradores e seus produtos são distribuídos em mais de 16 mil pontos de revenda em todo o país, além da forte atuação no mercado externo.

Mais informações no site de Relações com Investidores www.eternit.com.br/ri.

Compartilhe


Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas pode optar por rejeitar, se desejar.
Ler mais
Política de Privacidade e Cookies